As sensações que as cores causam é um tema que desperta interesse por sua complexidade e influência direta no cotidiano, assim como, bem-estar das pessoas. Dessa forma, para te ajudar a compreender qual cor é a melhor escolha para sua casa, fizemos um apanhado, de forma bem sucinta, de significados de algumas cores primárias e secundárias, dentre elas: amarelo, vermelho, azul, verde, preto e roxo.

Amarelo: O amarelo é uma cor quente, que traz alegria, vivacidade ao ambiente. Está relacionada com a sensação de calor, ânimo, otimismo e dá um estimulo. Essa cor, tem poder de ampliar a criatividade e inspirações, além de estimular o apetite.

Vermelho: O vermelho é uma cor quente, que traz confiança e animo ao ambiente. Porém, ela provoca diferentes sensações dependendo da tonalidade. As mais escuras transmitem ostentação e as mais saturadas sugerem sensualidade ou excitação, estimulando a tomada de iniciativas.

Azul: Azul classificado como cor fria, transmite tranquilidade, calmaria, suavidade, paz, maturidade. E em sua tonalidade mais escura transmite serenidade. Por isso, é indicada para colorir ambientes de repouso, e combinado com a cor branca essa sensação se intensifica, tranquilizando assim os ânimos.

Verde: O verde, sendo uma cor fria, remete a bem-estar, saúde, esperança, frescor, segurança, tranquilidade e suavidade. O verde quanto mais amarelado, mais transmite atividade e quanto mais azulado, maior é a sensação de serenidade.

Preto: A mais poderosa e neutra das cores, o preto é associado à força, formalidade e elegância. Uma cor versátil, sugere mistério, curiosidade, nobreza, distinção, e seriedade. 

Roxo: O roxo é considerado uma cor fria, que pode inspirar aspectos mentais e espirituais, lucidez e equilíbrio. Está relacionado com as noções de desejo, ciúme, sucesso e nobreza. Estimula o pensamento abstrato e o mistério, transmite calma e sensibilidade e geralmente está associado à intuição e espiritualidade. Usar esse tom em uma sala que requer um ambiente mais silencioso pode ajudar a promover o relaxamento.

Sem comentários ainda

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *